Ir para o conteúdo principal
Ana Braga de Queiroz
Legislatura Período
1959 até 1963

Perfil biográfico de
Ana Braga de Queiroz - PDS

Estudos: Faculdade de Direito.

Profissão: Professora, Advogada e Jornalista.

Nascimento: 29 de novembro de 1923, Peixe, TO.

Residência: Goiânia.

Filiação: Anísio Pereira Braga e Edetina Nunes Braga.

Cônjuge: Luiz de Queiroz (1.as núpcias); Trajano Machado Gontijo Filho (2.as núpcias).

Filhos:  1.ª núpcias: Edetina Augusta, Ana Luíza e Efigênia Auxiliadora. 2.ª núpcias: Antônio Paulo, Fernando, Cláudio e José Augusto.

Vida Política e Parlamentar

Vereadora, UDN, 1.ª Legislatura da Câmara Municipal de Goiânia, 1947-1951.

Deputada Estadual, PSD, 4.ª Legislatura, 1959-1963.

Outras Informações:

Educadora, lecionou mais de 25 anos.

Professora do Colégio Santa Clara em 1945, assume a campanha do candidato Coimbra Bueno. Percorre o norte e outras regiões na campanha do candidato udenista.

Filiação partidária: UDN, PSD, ARENA e PDS.

Diretora do Ensino do 1.º Grau na Secretaria da Educação.

Integra a Academia Goiana Feminina de Letras. Eleita presidenta da Academia, em 2001.

Trajetória política

A despeito de sua fascinação pelo magistério, foi na Política que Ana Braga mais se destacaria, pela intrínseca natureza da atividade específica. A despeito de sua amizade com o interventor Pedro Ludovico Teixeira, líder máximo do antigo PSD – Partido Social Democrático –, Ana Braga fundaria, em 1945, o diretório regional da UND – União Democrática Nacional –, o partido do brigadeiro Eduardo Gomes. Assim, em 1959, seria eleita deputada estadual, depois de ter sido vereadora pela Câmara Municipal de Goiânia. No ano de 1960, para acompanhar o marido Trajano Gontijo, transferiu seu domicílio para Tocantinópolis-GO, onde o esposo seria eleito prefeito municipal. Destarte, Ana Braga desempenharia, simultaneamente, as atividades de primeira-dama do município e de parlamentar estadual.


No ano de 1962, Ana Braga se transfere, com o marido, para Porangatu, onde, novamente, exerceria as múltiplas atividades de primeira-dama, eis que seu esposo seria eleito prefeito daquele próspero município.

Em 1980, criou, construiu e instalou o CSU de Porangatu e diligenciou a instalação, em São Sebastião do Tocantins, do Serviço de Rádio e Telecomunicações.

Em 1984, foi nomeada consultora técnica da Companhia Agrícola do Estado de Goiás, no governo Ary Valadão. E, logo após, assumiu a coordenadoria-geral do Departamento de Administração da Secretaria da Fazenda do governo Iris Rezende Machado.

Assembleia Legislativa do Estado de Goiás - Palácio Alfredo Nasser - Alameda dos Buritis, 231.
Setor Oeste - CEP: 74115-900 - Tel: (62) 3221-3000. CNPJ: 02.474.419/0001-00.

Carregando...