Ir para o conteúdo principal
  • 20
  • Mar.
  • 2017
  • 14:57

A- A+

Projeto prevê proibição da cobrança de tarifa mínima de consumo de água e energia

De autoria da deputada Isaura Lemos (PC do B), o projeto de lei n° 0765/17 proíbe a cobrança, por parte das prestadoras dos serviços de água e energia elétrica, da tarifa mínima de consumo ou adotarem práticas semelhantes.

Conforme previsto no projeto de lei, fica implementado o sistema de cobrança tarifário sobre o fornecimento de água e energia de acordo com o seu consumo, cabendo aos usuários pagar apenas pelo serviço utilizado.

As empresas responsáveis pelo fornecimento de ambos os serviços justificam a cobrança desta tarifa mínima sob o argumento da necessidade em promover a manutenção, custos da operação e a expansão do sistema de fornecimento.

Em justificativa, a parlamentar ressalta que os serviços de fornecimento de água e energia são essenciais para a população, e o atual modelo de cobrança é contrário aos direitos básicos garantidos pelo Código de Defesa do Consumidor. “A imposição de tarifa mínima atribuída pelas empresas fornecedoras é uma afronta, pois estabelece de forma unilateral e desproporcional, a cobrança de valor mínimo na fatura”, argumenta.

Atualmente, caso não haja consumo ou se este ficar abaixo do fixado pela empresa, fica imposto ao consumidor uma tarifa mínima pela prestação do serviço. Isaura considera uma prática de “venda casada”, ou seja, para receber o serviço, o consumidor é obrigado a pagar uma quantia mínima.

O projeto foi encaminhado à Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) para a devida apreciação.

Assembleia em Tempo Real

24/03/2017

22:30 - Encerramento das atividades

17:18 - Estudantes da Universo visitam Poder Legislativo goiano na 2ª-feira, 27

16:40 - Servidores recebem treinamento sobre atendimento ao público também no período vespertino

15:19 - Servidores e estagiários avaliam positivamente o curso "Atendimento ao Público ao Telefone"

14:55 - Governadoria quer instituir auxilio-alimentação a servidores do PROCON

13:51 - Projeto de Carlos Antonio visa alterar a política estadual de resíduos sólidos

12:33 - Seção de Serviços Odontológicos distribui senhas para tratamento dentário

11:34 - Encerrada audiência pública que debateu a operação “Carne Fraca” da PF

11:14 - Aberto espaço para manifestação do público na audiência sobre operação "Carne Fraca"

11:10 - Procon-GO atua fortemente na fiscalização dos frigoríficos, afirma gerente do órgão

10:51 - Gerente da Agrodefesa diz que foi péssima a forma de divulgação da "Carne Fraca"

10:38 - Representante da OAB critica divulgação de informações sem comprovação na "Carna Fraca"

10:23 - Gerente da Vigilância em Saúde afirma que inspeções não apontam falhas

10:12 - Superintendente da Agricultura afirma que carne brasileira tem qualidade

10:05 - Encerrada sessão especial que homenageou os 80 anos da Acieg

10:04 - Presidente da Facieg afirma que união de esforços torna Goiás referência nacional

09:48 - Isaura Lemos repercute operação “Carne Fraca” da Policia Federal

09:47 - Em discurso, presidente da Acieg agradece reconhecimento

09:39 - Pelas mãos de seu presidente, Acieg recebe Certificado de Honra ao Mérito da Alego

09:38 - Virmondes Cruvinel ressalta importância da Acieg no desenvolvimento do Estado

09:28 - Aberta audiência pública que irá debater a operação “Carne Fraca"

09:27 - Aberta sessão especial que celebra 80 anos da Acieg

07:43 - Audiência pública vai debater operação "Carne Fraca"

07:24 - Campanha de vacinação contra dengue atendeu 760 pessoas

Assembleia Legislativa do Estado de Goiás - Palácio Alfredo Nasser - Alameda dos Buritis, 231
Setor Oeste - CEP: 74115-900 - Tel: (62) 3221-3000.

Carregando...