Ir para o conteúdo principal
  • 29
  • Set.
  • 2017
  • 08:30

Outubro Rosa

A- A+

Outubro Rosa

Assembleia Legislativa adere a campanha "Outubro Rosa". Estão agendadas palestras, mesa redonda e também uma campanha de arrecadação de lenços. O prédio será iluminado com a cor rosa.

A Assembleia Legislativa programou uma série de atividades alusivas ao movimento "Outubro Rosa". Durante todo o mês de outubro, serão intensificadas as atividades e mobilizações em prol do diagnóstico e tratamento do câncer de mama. Palestras, mesa redonda e arrecadação de lenços fazem parte do cronograma de atividades por intermédio das Diretoria Geral, Diretoria de Comunicação da Casa, Divisão de Saúde e Promoção Social e Seção de Atividades Culturais.

As atividades da campanha iniciam a partir do dia 2 de outubro. Nesse dia, haverá o lançamento da campanha de arrecadação de lenços no Parlamento Goiano para doação a Associação de Combate ao Câncer de Goiânia. A campanha prossegue até o dia 31 de outubro. Após o encerramento, todo o produto arrecadado será entregue a ACCG, contribuindo assim com as mulheres em tratamento quimioterápico possam ter o acessório, utilizado para minimizar o impacto visual deste procedimento.

No dia 5 de outubro acontece a abertura oficial da campanha Outubro Rosa com palestra a ser proferida pelo médico Jurandyr Vasconcellos, que é radiologista e da voluntária Eliane Quintaes, que fará demonstração de amarração de lenços. O evento está marcado para acontecer no saguão da Casa de Leis, a partir das 9 horas. Na abertura das atividades do dia 5, a harpista Aline Araújo fará uma apresentação musical. Ainda neste dia, estarão funcionando no Saguão Interno do Palácio Alfredo Nasser, vários estandes, com exposição de produtos e também distribuição de brindes. Estarão expondo neste dia o Fujioka, O Boticário, Zuleika, Moda íntima, Clínica de Nutrição Revive, Opéra Estética e por último, haverá um sorteio de um voucher do Restaurante Cabaça de Mel. 

Já no dia 18 de outubro, dentro do cronograma de atividades da Campanha Outubro Rosa, uma mesa redonda contará com a presença de três mulheres, que farão um debate sobre o Câncer de Mama. A mesa será composta pela empresárias Danila Guimarães e Marie Proffit e pela médica e presidente da Associação Brasileira de Mastologia Regional de Goiás, Rosemar Macedo. Também neste dia a Seção de Atividades Culturais disponibilizará para as mulheres, estantes de beleza, produtos de maquiagem, nutrição, dentre outros. A mesa redonda acontecerá no Auditório Solon Amaral, às 9 horas.

História “Outubro Rosa”

O movimento popular internacionalmente conhecido como Outubro Rosa é comemorado em todo o mundo. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades. Este movimento começou nos Estados Unidos, onde vários Estados tinham ações isoladas referente ao câncer de mama e ou mamografia no mês de outubro, posteriormente com a aprovação do Congresso Americano o mês de Outubro se tornou o mês nacional (americano) de prevenção do câncer de mama. 

A história do Outubro Rosa remonta à última década do século 20, quando o laço cor-de-rosa, foi lançado pela Fundação Susan G. Komen for the Cure e distribuído aos participantes da primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova York, em 1990 e, desde então, promovida anualmente na cidade (www.komen.org). 

Em 1997, entidades das cidades de Yuba e Lodi nos Estados Unidos, começaram efetivamente a comemorar e fomentar ações voltadas a prevenção do câncer de mama, denominando como Outubro Rosa. Todas ações eram e são até hoje direcionadas a conscientização da prevenção pelo diagnóstico precoce. Para sensibilizar a população inicialmente as cidades se enfeitavam com os laços rosas, principalmente nos locais públicos, depois surgiram outras ações como corridas, desfile de modas com sobreviventes (de câncer de mama), partidas de boliche e etc. (www.pink-october.org). 

A ação de iluminar de rosa monumentos, prédios públicos, pontes, teatros e etc. surgiu posteriormente, e não há uma informação oficial, de como, quando e onde foi efetuada a primeira iluminação. O importante é que foi uma forma prática para que o Outubro Rosa tivesse uma expansão cada vez mais abrangente para a população e que, principalmente, pudesse ser replicada em qualquer lugar, bastando apenas adequar a iluminação já existente. 

A popularidade do Outubro Rosa alcançou o mundo de forma bonita, elegante e feminina, motivando e unindo diversos povos em torno de tão nobre causa. Isso faz que a iluminação em rosa assuma importante papel, pois tornou-se uma leitura visual, compreendida em qualquer lugar no mundo.

No Brasil, o pontapé inicial deste movimento aconteceu em outubro de 2002, quando um grupo de mulheres simpatizantes com a causa do câncer de mama, junto com o apoio de empresas iluminaram de rosa o monumento Mausoléu do Soldado Constitucionalista, também chamado de Obelisco do Ibirapuera, em São Paulo. Em outubro de 2008, o movimento ganhou força e várias cidades brasileiras foram iluminadas como uma forma de chamar a atenção para a saúde da mulher. Outubro Rosa é um campanha forte, principalmente nas redes sociais, sempre com o objetivo de prevenção e diagnóstico precoce do câncer de Mama. 

Assembleia em Tempo Real

13/12/2017

18:55 - Encerramento das atividades

18:38 - Assembleia realiza nesta 5ª-feira audiência pública sobre violação dos direitos humanos em Goiás

17:46 - Comissão Mista é encerrada no Auditório Solon Amaral

17:44 - Comissão Mista autoriza repasse de imóvel ao município de Edealina

17:36 - Mista aprova alteração na LDO de 2017

17:25 - Comissão Mista se reúne no Auditório Solon Amaral para apreciar projetos do Governo

17:24 - José Vitti encerra sessão e convoca reunião de Comissões

17:11 - Júlio da Retífica defende a entrega de brinquedos doados pela OVG

17:10 - José Nelto vota a favor de projeto do Governo e anuncia obstrução a outras matérias do Executivo

17:07 - Aprovada em primeira votação proposta que reajusta subsídio de auditores fiscais da Sefaz

17:02 - Aprovada pelo Plenário matéria que fixa regras em caso de rompimento de contrato com Organizações Sociais

17:00 - Diretoria Geral faz workshop para apresentação de Guia Pratico de gestão e contratos

16:50 - Wagner Siqueira rebate críticas ao PMDB

16:37 - Santana Gomes afirma que José Nelto corre risco de ser expulso do PMDB

16:32 - Daniel Messac se manifesta contra entrega de brinquedos que incentivam a ideologia de gênero

16:27 - Código de Ética dos Militares é aprovado em primeira votação em Plenário

16:19 - Plenário aprova em 1ª votação projeto que trata do regime de subsídio da Defensoria Pública

16:16 - Deputados dão início à votação de matérias constantes da Ordem do Dia

15:56 - Wagner Siqueira defende pré-candidatura de Daniel Vilela ao Governo do Estado

15:52 - Santana Gomes rebate José Nelto por críticas ao vice-governador José Eliton

15:45 - Mané de Oliveira faz análise das pesquisas políticas em Goiás

15:39 - Carlos Antônio protesta contra possibilidade de fechamento de fábrica de amianto em Minaçu

15:34 - José Nelto encaminha voto em processo de Código de Ética e Disciplina dos Militares

15:28 - Júlio da Retífica critica falta de foco do PMDB nos próprios candidatos à eleição

Assembleia Legislativa do Estado de Goiás - Palácio Alfredo Nasser - Alameda dos Buritis, 231
Setor Oeste - CEP: 74115-900 - Tel: (62) 3221-3000.

Carregando...