Ir para o conteúdo principal
ALEGO

A- A+

Isaura Lemos apoia servidores contra mudanças em regime de trabalho

A deputada Isaura Lemos (PCdoB) ocupou a tribuna na penúltima sessão plenária desse ano, na Assembleia Legislativa de Goiás, para contestar projeto de lei do Governo do Estado que muda o regime de trabalho dos ocupantes dos cargos de Educador Social e Agente de Segurança Educacional. A proposta estabelece que a jornada de trabalho possa ser cumprida em regime de plantão, a ser fixado pelo titular da pasta, e, uma vez observado o interesse público e a conveniência do serviço, diz o texto, será facultada a adoção de escala que melhor atenda às singularidades e atribuições do órgão, inclusive de 24 horas seguidas de trabalho por 72 horas de folga. 

Os servidores afetados pela medida atuam nos centros de detenção, recuperação e ressocialização de menores infratores. Segundo eles, a carga horária atual já é bastante exaustiva, sobretudo pelo baixo contingente de pessoas lotadas no setor. Hoje, a jornada é de 12 horas seguidas de trabalho por 36 horas de folga, fora a escala obrigatória de plantão em três finais de semana. Outro ponto que preocupa os servidores é o que permite que a jornada seja fixada pelo titular da pasta, sem que sejam observadas as suas condições de cumprirem a jornada indicada no projeto de lei.

Mediação – Os servidores procuraram a deputada Isaura Lemos e pediram a ela que mediasse as discussões, na tentativa de impedir que mudanças na carga horária sacrifiquem os trabalhadores. Na tribuna, a parlamentar externou sua preocupação com a integridade física, psicológica e emocional dos agentes que atuam nos centros de recuperação e socialização de menores infratores, os quais, em sua visão, convivem num ambiente de alta pressão social e já cumprem jornada exaustiva. Ressaltou que o efetivo de servidores nesses locais é baixo, o que sobrecarrega ainda mais aqueles que estão em serviço. 

A deputada Isaura Lemos também chamou a atenção para o fato de que a nova jornada tira do trabalhador o direito de ter uma carga horária previamente estabelecida, também condenou a parcialidade na relação trabalhista, já que a mudança dá todo o poder de decisão ao chefe do serviço, excluindo os trabalhadores da negociação. Por fim, pediu ao Governo do Estado que dê mais atenção a esse setor, dotando as unidades de melhores condições de trabalho e infraestrutura.

Assembleia em Tempo Real

22/01/2018

13:00 - Encerramento das atividades

12:57 - Deputados prestigiam inauguração do novo Quartel do Corpo de Bombeiros

11:11 - Francisco Jr apoia esboço do PDI-RMG que incentiva a revitalização do Centro de Goiânia

10:08 - Carlos Antonio defende legislação clara e dura com torcidas organizadas

08:31 - PEC impõe paridade entre homens e mulheres no comando de secretarias estaduais

07:17 - Sancionada alteração em regra do Prêmio de Incentivo na Saúde

06:56 - Início das atividades

19/01/2018

13:20 - Encerramento das atividades

13:03 - Presidente José Vitti propõe projeto que concede benefícios fiscais para investimentos no setor agropecuário

12:05 - Nova lei cria dez unidades do Colégio Estadual da Polícia Militar no interior de Goiás

10:40 - Policiais e Bombeiros militares da reserva remunerada já podem voltar à ativa

09:05 - Lêda Borges ainda não decidiu retorno à Assembleia Legislativa

07:13 - Entra em vigor a lei que trata da recuperação de créditos não tributários no TCM

06:55 - Início das atividades

18/01/2018

13:17 - Encerramento das atividades

13:01 - Santana Gomes se compromete a atender reivindicações de servidores do Sistema Prisional

12:37 - Sancionada lei que aumenta valor indenizatório por apreensão de armas por policiais militares

11:17 - Sancionada lei que institui CNH digital

09:32 - Projeto de lei que proíbe abandono de idoso recebe parecer contrario da CCJ

08:26 - Deputado propõe medida que obriga hospitais a divulgarem informações sobre crime de omissão de socorro

07:15 - Daniel Messac defende comunicação imediata de venda de veículos

06:52 - Início das atividades

17/01/2018

13:25 - Encerramento das atividades

13:09 - Para Álvaro Guimarães, eleição não vai atrapalhar atividades em plenário

Assembleia Legislativa do Estado de Goiás - Palácio Alfredo Nasser - Alameda dos Buritis, 231
Setor Oeste - CEP: 74115-900 - Tel: (62) 3221-3000.

Carregando...