Ir para o conteúdo principal

A- A+

Tramita na Alego projeto destinado à prevenção de doença celíaca

Tramita nesta Casa Legislativa projeto de lei nº 4457/2017, de autoria do deputado Charles Bento (PRTB), que estipula medida destinada a contribuir com a prevenção e o controle da doença celíaca no Estado de Goiás. Para tanto, obriga que estabelecimentos responsáveis pela comercialização de gêneros alimentícios acomodem, em espaço especial e devidamente identificado, produtos que não contenham glúten em sua composição.

O projeto também determina que os espaços citados contenham informações precisas acerca das propriedades do glúten, incluindo alerta especial aos indivíduos portadores de algum tipo intolerância, hipersensibilidade ou alergia à ingestão de alimentos em que a substância esteja presente. O texto que justifica a matéria enfatiza, no entanto, que a proposta em questão não se trata de medida que visa excluir o glúten da dieta dos brasileiros, mas apenas orientar melhor aquelas pessoas para as quais essa proteína cereal é nociva.

O documento ainda informa que as opiniões acerca dos benefícios do glúten na alimentação permanecem controversas. Segundo ele, pesquisadores que defendem a sua inclusão ou manutenção na dieta alimentar, argumentam que o consumo de alimentos ricos em glúten “ajudam a controlar a glicemia e os triglicérides, aumentam a absorção de vitaminas e minerais, melhoram a flora intestinal e deixam o sistema imunológico mais forte”. A citação, inclusa na justificativa da matéria reproduz fala do endocrinologista Marcelo Bronstein, professor da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP).

Por outro lado, o documento informa também que, segundo dados divulgados pela Federação Nacional das Associações de Celíacos do Brasil (FENACELBRA), a doença celíaca afeta atualmente cerca de dois milhões de brasileiros. Ainda segundo a entidade, a maioria das pessoas desconhece o diagnóstico da referida enfermidade.

“Os sinais da doença vão desde anemia e vômitos até atraso no crescimento e osteoporose. Caso um celíaco ingira um alimento que contenha glúten, por desconhecimento da doença, poderá ser provocada uma reação imunológica no intestino delgado, impedindo a absorção dos nutrientes. Existe, ainda, a dermatite herpetiforme, caracterizada como uma variação da doença celíaca, que apesar de não causar uma inflamação crônica no intestino, causa pequenas feridas ou bolhas em diversas áreas do corpo que coçam, e surgem, principalmente, nos ombros, nádegas, cotovelos e joelhos”, alerta o texto que justifica a matéria.  

A proposta foi protocolada na Assembleia Legislativa (Alego) no dia 16 de novembro do ano passado, sendo posteriormente submetida à avaliação da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ), que a distribuiu ao relator deputado Henrique Arantes (PTB). 

Assembleia em Tempo Real

22/01/2018

13:00 - Encerramento das atividades

12:57 - Deputados prestigiam inauguração do novo Quartel do Corpo de Bombeiros

11:11 - Francisco Jr apoia esboço do PDI-RMG que incentiva a revitalização do Centro de Goiânia

10:08 - Carlos Antonio defende legislação clara e dura com torcidas organizadas

08:31 - PEC impõe paridade entre homens e mulheres no comando de secretarias estaduais

07:17 - Sancionada alteração em regra do Prêmio de Incentivo na Saúde

06:56 - Início das atividades

19/01/2018

13:20 - Encerramento das atividades

13:03 - Presidente José Vitti propõe projeto que concede benefícios fiscais para investimentos no setor agropecuário

12:05 - Nova lei cria dez unidades do Colégio Estadual da Polícia Militar no interior de Goiás

10:40 - Policiais e Bombeiros militares da reserva remunerada já podem voltar à ativa

09:05 - Lêda Borges ainda não decidiu retorno à Assembleia Legislativa

07:13 - Entra em vigor a lei que trata da recuperação de créditos não tributários no TCM

06:55 - Início das atividades

18/01/2018

13:17 - Encerramento das atividades

13:01 - Santana Gomes se compromete a atender reivindicações de servidores do Sistema Prisional

12:37 - Sancionada lei que aumenta valor indenizatório por apreensão de armas por policiais militares

11:17 - Sancionada lei que institui CNH digital

09:32 - Projeto de lei que proíbe abandono de idoso recebe parecer contrario da CCJ

08:26 - Deputado propõe medida que obriga hospitais a divulgarem informações sobre crime de omissão de socorro

07:15 - Daniel Messac defende comunicação imediata de venda de veículos

06:52 - Início das atividades

17/01/2018

13:25 - Encerramento das atividades

13:09 - Para Álvaro Guimarães, eleição não vai atrapalhar atividades em plenário

Assembleia Legislativa do Estado de Goiás - Palácio Alfredo Nasser - Alameda dos Buritis, 231
Setor Oeste - CEP: 74115-900 - Tel: (62) 3221-3000.

Carregando...