Ir para o conteúdo principal
ALEGO

A- A+

Confira como foi o primeiro mês de Gustavo Sebba em seu segundo mandato

Após ser reeleito com mais de 29 mil votos para o seu segundo mandato, o deputado estadual Gustavo Sebba começou 2019 comprometido com uma atuação crítica ao novo Governo e empenhada na defesa do cidadão goiano. O deputado se antecipou ao começo da nova legislatura, com início marcado para fevereiro, definindo sua equipe de trabalho em janeiro. Ainda naquele mês, Gustavo esteve atento às primeiras movimentações do Poder Executivo que tomou posse no primeiro dia do ano.

Durante as sessões extraordinárias convocadas pelo novo Governador, Gustavo alertou que diversas medidas tomadas afetariam negativamente o Estado. Ele advertiu para o risco que o fim dos incentivos fiscais pode ter na geração de empregos e na atração de investimentos privados para Goiás. Também denunciou que a reforma administrativa proposta pelo Executivo aumentaria a máquina pública e que, ao contrário do que era dito pelo Governo, não geraria economia, o que foi admitido posteriormente pela Secretaria de Administração (Sead).

Além de criticar as ações do novo Governo, Gustavo também contestou o discurso de terra arrasada propagado pelo Governador e, principalmente, fez coro para que os servidores públicos recebessem os salários pendentes. Ainda sobre os ataques do Governo aos servidores, o deputado denunciou que agentes da Segurança Pública estariam sendo perseguidos por motivos políticos em cidades do interior goiano.

Contudo, a nova legislatura só teve início em fevereiro. E logo na sessão solene de posse do novo mandato o deputado foi eleito pelos colegas para integrar a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás no biênio 2019-2020. Gustavo Sebba foi escolhido por 40 dos 41 deputados para ocupar a 3ª Secretaria do Parlamento estadual. Assumindo posição na mesa diretora, o deputado passou a função de líder da bancada de oposição ao colega Talles Barreto, mas seguiu endossando o coro contra os desmandos do Executivo.

Nas sessões seguintes, Gustavo cobrou que o Governador parasse com o proselitismo e tomasse medidas reais para melhorar a situação financeira de Goiás. Também apresentou novos projetos de lei e pediu a retomada de outros que haviam sido arquivados automaticamente ao final da legislatura anterior.

Ainda no primeiro mês, Gustavo Sebba já deixou claro como será sua atuação neste segundo mandato. Compondo a Mesa Diretora, ajudará na construção de um Legislativo estadual cada vez mais forte e independente. Além disto, seguirá como voz ativa de uma oposição criteriosa e qualificada, com atuação firme na fiscalização das políticas públicas e na defesa dos interesses do cidadão.

Assembleia em Tempo Real

20/03/2019

19:17 - Encerramento das atividades

18:06 - Assembleia promove reunião para discutir programa de inclusão social para pessoas com deficiência visual

17:32 - Sessão plenária é encerrada pelo vice-presidente da Alego, Dr. Antonio

17:01 - Paulo Cezar Martins abre discursos do Grande Expediente

16:45 - Delegado Humberto Teófilo rebate críticas da oposição ao Governo Caiado

16:34 - Alysson Lima critica presidente da Fieg por declarações contra CPIs da Alego

16:25 - Karlos Cabral diz que fim de incentivos fiscais para indústrias de soja de Rio Verde vai provocar quebradeira

16:16 - Matéria que isenta ICMS de medicamentos e materiais hospitalares doados ao Estado abre votações da Ordem do Dia

16:14 - Musicistas se apresentam no saguão da Alego em homenagem ao mês da mulher

16:03 - Bruno Peixoto rebate críticas sobre nomeações do Governo e se posiciona quanto ao Orçamento Impositivo

15:58 - Karlos Cabral comemora revogação de decreto do Governo anterior que suspendia investimentos na cultura e no esporte

15:56 - No Pequeno Expediente, Talles Barreto defende PEC e governo de Marconi Perillo

15:46 - Alysson Lima se opõe ao reajuste na tarifa do transporte coletivo e critica gestão de Iris Rezende e Ronaldo Caiado

15:41 - Na tribuna, Chico KGL defende menor carga tributária para o agronegócio em Goiás

15:37 - Humberto Teófilo diz que delegados foram perseguidos no governo passado

15:36 - Tião Caroço aponta casos de improbidade administrativa em Formosa e critica Governo

15:26 - Antônio Gomide repercute dificuldades financeiras da UEG e acusações contra o reitor

15:20 - Treze deputados apresentam matérias na sessão ordinária desta 4ª-feira

15:15 - Apenas um ofício é lido no Expediente da sessão plenária desta quarta-feira

15:09 - Encerrada reunião da Comissão de Tributação, Finanças e Orçamento

15:05 - Sessão ordinária é aberta no Plenário da Assembleia Legislativa

14:38 - Deputados iniciam rodada de perguntas para secretária de Economia

14:27 - Cristiane Schmidt disse que taxa de crescimento da economia é baixa, embora tenha havido melhora

14:17 - Cristiane Schmidt diz que pronóstico favorável depende da reforma da Previdência

Assembleia Legislativa do Estado de Goiás - Palácio Alfredo Nasser - Alameda dos Buritis, 231.
Setor Oeste - CEP: 74115-900 - Tel: (62) 3221-3000. CNPJ: 02.474.419/0001-00.

Carregando...