Ir para o conteúdo principal

A- A+

Lucas Calil aponta os "7 pecados capitais" de Caiado

Depois de divulgar durante todo o dia em suas redes sociais os “7 pecados capitais de Caiado”, o deputado Lucas Calil (PSD) usou ontem a tribuna do Plenário da Assembleia Legislativa para reforçar as críticas ao novo Governo goiano em seus 100 primeiros dias. Utilizou-se do seu celular junto ao microfone para rodar áudio de um vídeo de Ronaldo Caiado, quando senador, em que aponta a diferença entre um líder estadista e um populista. Com o pronunciamento, Calil se colocou decididamente como uma voz forte da oposição na Assembleia.

“De acordo com o que disse o próprio senador, como vocês puderam ouvir, ele é um populista”, destacou o deputado. Em seguida, Lucas Calil passou a enumerar “os sete pecados” cometidos até agora pelo Governo de Ronaldo Caiado. Com apenas 5 minutos de tempo, não foi possível falar de todos, mas colocou como pecado número 1 o atraso do pagamento de dezembro. Lembrou que Caiado utilizou técnica nazista, de repetir mil vezes a mentira para torná-la verdade. “Como podia o Governo alegar que não tinha dinheiro para quitar dezembro, se pagou janeiro”, questionou.

Em segundo e terceiro lugares, Lucas Calil apontou a contratação de muitos parentes pelo atual Governo e o “abandono das estradas”. Disse que todo dia se vê no Diário Oficial do Estado a contratação de parentes. “Só o Governador empregou mais de 20 pessoas com sobrenome Caiado”, pontuou. Sobre a estradas, Calil se sente revoltado ao ver tantos buracos, tantos acidentes e a Goinfra, antiga Agetop, não ter ainda sequer diretores das áreas técnicas que cuidam da manutenção das rodovias. O deputado disse que soube, por uma fonte da antiga Agetop, que o Governo tem mais de R$50 milhões em caixa destinados a rodovias, mas não usa sequer para tapar buracos.

Desmonte da educação

Prosseguindo, Lucas Calil citou o desmonte da educação estadual, revelando que o Governo já acabou com mais de 55 escolas de tempo integral e fechou completamente 18 escolas. Criticou também o fim dos incentivos fiscais, que na sua opinião vai fechar empresas em Goiás e provocar desempregos. “Essa medida vai tirar das pessoas o seu maior bem, que é o emprego”, disse.

Nas redes sociais, utilizadas durante toda esta quarta-feira, 10, Lucas Calil citou ainda a crise na saúde, que levou Goiás a conquistar espaço negativo em toda a imprensa nacional, citando morte no Hospital Materno Infantil por falta de atendimento e corredores lotados de crianças em maca, e ainda o “desrespeito ao Legislativo”, lembrando dos ataques feitos pelo Governador a deputados num encontro ocorrido na Assembleia, onde o candidato defendido pelo Governador, Álvaro Guimarães perdeu a eleição à presidência da Casa para Lissauer Vieira.

Lucas Calil fez questão de se colocar como parlamentar independente, “aprovando projetos que ajudem na governabilidade e rejeitando o que ferir nosso Goiás”.

Assembleia em Tempo Real

17/06/2019

15:20 - Projeto dispõe sobre aplicação de multa administrativa ao agressor de vítimas de violência doméstica

14:02 - Virmondes Cruvinel quer a proibição de cursos na área da Saúde na modalidade ensino à distância

13:15 - Adriana Accorsi propõe a instituição da "Jornada Acadêmica"

12:17 - Projeto que faz nova licitação de placas e tarjetas do Detran tramita na Comissão Mista

11:40 - Encerrada audiência pública que debateu fatores motivadores da violência escolar

11:35 - Deputada Adriana Accorsi abre espaço para debate público em audiência

11:34 - Karlos Cabral declara encerrada audiência pública sobre LDO em Uruaçu

11:31 - 13ª Edição do Escola no Legislativo recebe alunos da Escola Frei Nazareno Confaloni

11:09 - Deputada do DF afirma que a sociedade está em processo de desumanização

10:57 - Coronel Adailton participa de audiência pública “Entre os muros da Escola”

10:52 - Deputado federal Rubens Otoni diz que é preciso incentivar cultura de paz entre os jovens

10:50 - Gerente de segurança escolar afirma que a prevenção é a melhor medida

10:45 - “É inadmissível que exista violência no ambiente escolar”, destacou vereador Álvaro da Universo

10:39 - Comandante do Batalhão Escolar ressalta importância de debate sobre violência escolar

10:34 - Bia de Lima participa de audiência sobre violência nas escolas

10:31 - Delegado participa de reunião que discute segurança

10:25 - Tem início audiência pública sobre fatores motivadores da violência escolar

09:47 - Karlos Cabral declara aberta audiência pública em Uruaçu para debater LDO

09:29 - Projeto obriga Saneago a reparar malha asfáltica após conclusão de obras

08:44 - Audiência pública hoje de manhã vai discutir violência escolar

08:11 - Uruaçu sedia debate da LDO a partir das 9 horas

07:47 - Alego recebe hoje visita de alunos da Escola Municipal Frei Nazareno Confaloni

07:34 - CPI da Enel faz reunião hoje em Aparecida de Goiânia

06:55 - Início das atividades

Assembleia Legislativa do Estado de Goiás - Palácio Alfredo Nasser - Alameda dos Buritis, 231.
Setor Oeste - CEP: 74115-900 - Tel: (62) 3221-3000. CNPJ: 02.474.419/0001-00.

Carregando...