Ir para o conteúdo principal
ALEGO

A- A+

Diego Sorgatto realizará audiência pública sobre o uso da cannabis medicinal

O uso da cannabis para fins medicinais será tema de uma audiência pública no dia 29 de maio de 2019, às 9h30, no auditório Solon Amaral da Assembleia Legislativa de Goiás. Trata-se de iniciativa do deputado Diego Sorgatto (PSDB) juntamente com a Associação de Pais e Amigos dos Autistas de Goiás – AMA Goiás, Associação Goiana de Apoio e Pesquisa à Cannabis Medicinal – AGAPE e Associação Nacional dos Usuários de Canabidiol – ANUC.

A audiência é de suma importância para o debate social junto aos deputados e população, pois tramita na Assembleia, o projeto de lei n° 413 de 07 de maio de 2019, sobre a Política Estadual de uso da cannabis para fins medicinais e distribuição gratuita de medicamentos prescritos a base da planta inteira ou isolados. “O objetivo do projeto de lei é adequar a temática da cannabis medicinal aos padrões e referencias internacionais, como Canadá, Estados Unidos e Israel.

Atualmente as políticas sobre o uso da cannabis medicinal estão defasadas. Em 2016, a Anvisa autorizou a prescrição de remédios com canabidiol (CBD) e tetraidrocanabinol (THC), mas não foram criadas políticas públicas para auxiliar e facilitar o acesso a esses remédios. Hoje, os pacientes precisam importar tais medicamentos com alto custo e sem nenhum tipo de auxílio do Estado”, ressalta Diego Sorgatto.

O projeto de lei cria mecanismos que democratizam esse acesso, exigindo do Poder Público o fornecimento gratuito do medicamento para os pacientes. Também incentiva a criação e regulamentação do cultivo associativo, a produção nacional do medicamento e a participação público-privada que é amparada pela Constituição.

Conforme a presidente da AMA Goiás, Cássia Gouveia, “a nossa intenção é que o tema seja discutido de forma aberta, sem preconceitos. Várias patologias não têm cura, mas saber que a cannabis pode ajudar a melhorar a qualidade de vida dos pacientes é uma grande conquista, e este é nosso objetivo”, completa.

Existem inúmeras variedades de cannabis, com diferentes teores das substâncias canabidiol (CBD) e tetra-hidrocanabinol (THC). Ela é utilizada como analgésico, anti-inflamatório, autismo, alzheimer, epilepsia, câncer, dor crônica, esclerose múltipla, entre outras patologias.

“Meu pai tem 58 anos, possui Mal de Alzheimer e antes de iniciar o tratamento à base de Cannabis Medicinal estávamos a beira de tudo desmoronar, na pior fase de nossas vidas, o óleo trouxe um bem estar a nossa família imensurável, meu pai não comia, hoje não pode sentir cheiro de comida que fica doido pra comer, ele era agressivo, batia na gente, graças a todas as propriedades terapêuticas da planta isso não acontece mais. A cannabis trouxe tantos benefícios para nossa família que fica difícil escrever, só temos a agradecer a essa planta que Deus nos deu para usarmos com sabedoria", relata Filipe Suzin, autor da página no instragran @curandoivo.

Segundo o presidente da Agape, Yuri Tejota, a utilização da cannabis medicinal com respaldo técnico e especializado tem-se apresentado como uma alternativa real, humana, de alta eficácia e referendada por protocolos internacionais de pesquisa e utilização. Cannabis medicinal é uma realidade internacional inegável, haja vista a necessidade de regularmos nosso sistema endocanabinóide, promovendo homeostase e bem estar à quem faz o tratamento com acompanhamento especializado e científico.

O evento é aberto e gratuito a toda a população.

Assembleia em Tempo Real

19/07/2019

13:00 - Encerramento das atividades

12:21 - Paulo Trabalho quer implantar orientações básicas de Segurança Pública nas escolas

11:37 - Humberto Teófilo propõe incentivo a quem trabalhar nas eleições

10:19 - Proposta de Zé Carapô, Semana Estadual da Agricultura Familiar é instituída em Goiás

09:35 - Amilton Filho propõe resguardar aposentados e pensionistas analfabetos que contratam empréstimos

08:22 - Humberto Aidar defende substituir sacolas plásticas convencionais por sacolas ecológicas

08:18 - Sancionada Lei que garante a extração de amianto crisotila em Goiás

07:11 - Projeto determina que bares e restaurantes informem utilização de produtos análogos ao queijo

06:57 - Início das atividades

18/07/2019

13:00 - Encerramento das atividades

12:31 - Karlos Cabral propõe isentar taxa em concurso público para agentes de proteção da Infância e Juventude

11:11 - Festa tradicional de Bom Jardim de Goiás é incluída no Calendário Turístico do Estado

10:26 - Alysson Lima quer que licitações sejam transmitidas ao vivo pela internet

09:19 - Sancionada Lei que institui o "Abril Verde" dedicado a prevenção de acidentes e doenças de trabalho

08:22 - Eduardo Prado propõe maior incentivo à prática de esportes femininos

07:08 - Chico KGL defende desoneração de ICMS na área da reciclagem

06:47 - Início das atividades

17/07/2019

13:03 - Encerramento das atividades

12:42 - Projeto de Lissauer Vieira pretende garantir ensino de noções de Direito nas escolas estaduais

11:17 - Karlos Cabral quer disciplinar o prazo de vida útil no transporte escolar

10:30 - Projeto prevê que todos os conteúdos das plataformas virtuais devem ser acessíveis para os deficientes

09:29 - 25 de setembro deve ser instituído o Dia da Luta contra a Ataxia Espinocerebelar

08:17 - Projeto de Henrique Cesar propõe teste de triagem neonatal em hospitais de Goiás

07:30 - Álvaro Guimarães propõe a inclusão de peixes na merenda escolar da rede pública

Assembleia Legislativa do Estado de Goiás - Palácio Alfredo Nasser - Alameda dos Buritis, 231.
Setor Oeste - CEP: 74115-900 - Tel: (62) 3221-3000. CNPJ: 02.474.419/0001-00.

Carregando...