Ir para o conteúdo principal
ALEGO

A- A+

Projeto do deputado Humberto Aidar que beneficia psicólogos é aprovado na CCJ

O colegiado da Comissão de Constituição, Justiça e Redação aprovou na última semana projeto de lei (nº 2710/19) do deputado Humberto Aidar (MDB) que disserta sobre a jornada de trabalho dos ocupantes de cargos de psicologia do serviço público. Agora, a proposta passará por votação no plenário da Casa e em seguida será enviada à comissão temática, no caso, a de Saúde e Promoção Social.

O objetivo da proposta é alterar a legislação que dispõe sobre a jornada de trabalho dos ocupantes de cargos de psicologia. Com o projeto, Aidar atende uma demanda que há anos é solicitada pelos profissionais do segmento. A proposta conta com o apoio do Conselho Regional de Psicologia e segue uma tendência nacional já que estados como Rio de Janeiro e São Paulo possuem leis semelhantes.

Humberto Aidar menciona que recebeu diversas solicitações e foi procurado por vários membros da psicologia em busca do atendimento de suas demandas. “Profissionais da área me procuraram e eu entendi que é um pedido muito justo. A sobrecarga que é imposta a esses profissionais no dia a dia é muito grande”, ressalta Aidar.

Segundo o deputado, o ajuste na carga horária dos psicólogos que atuam no serviço público vai significar um aumento na qualidade do trabalho, sobretudo, por conta do estresse a que são submetidos. “Entendo que a implantação de 30 horas semanais para este trabalhador é uma questão de justiça. O profissional precisa estar descansado, com a cabeça boa, para voltar no outro dia e começar tudo novamente”, frisa Humberto Aidar.

Para a psicóloga Kenia Cristina Volpato, o projeto do legislador é extremamente importante e o primeiro que busca atender os objetivos dos psicólogos. “O deputado Humberto Aidar sempre se mostrou uma pessoa extremamente humana e voltado à valorização do ser humano. Assim, não haveria melhor pessoa para ajudar a nossa classe a atingir tal feito. Uma pessoa humana cuidando de quem cuida dos seres humanos”, destaca.

A rotina dos psicólogos é marcada pelo contato constante com casos de estresse, ansiedade, luto, morte, depressão, agressividade, compulsões, transtornos, dificuldades de aprendizagem e outros problemas. Kenia reforça a necessidade da lei e adiciona ao argumento do parlamentar o testemunho de que é preciso que o profissional esteja no ápice de suas condições mentais e físicas. “Os aspectos emocionais afetam diretamente os físicos, sendo que a estafa mental de nossa profissão é atingida mais facilmente se não tivermos um maior cuidado”, disse.

Apoio

O Conselho Regional de Psicologia ressalta que a qualidade dos serviços prestados por esses profissionais vai aumentar com a eventual aprovação da lei. “O projeto é de extrema importância especialmente porque a maioria dos psicólogos que trabalha em dois ou três turnos. Então ele busca beneficiar esse profissional o que acaba refletindo também na qualidade do trabalho”, declara Mayk da Glória, Conselheiro Tesoureiro e representante do Conselho.

Na esfera nacional, já existe lei que estabelece jornada de trabalho de 30 horas semanais, entretanto, os servidores públicos foram excluídos da norma. Em Goiás, Humberto Aidar quer fazer valer o anseio dos psicólogos e finalmente atender a categoria. “Na Casa, ele certamente vai ser aprovado e depois eu vou fazer um trabalho pessoal com o governador, que também é médico. Eu acho que isso vai facilitar para que o governador sancione o projeto. Vou procurar o secretário de Saúde para que não haja veto”, garante o parlamentar.

Trâmite

O projeto vai ser encaminhado para o plenário onde passa pela primeira votação, em seguida será direcionado à Comissão de Saúde e Promoção Social. A pasta deve escolher o relator assim que nela estiver. Conforme a expectativa de Humberto Aidar, o relatório será aprovado, depois será devolvido para o plenário onde passará por duas votações. Aprovado, segue para sanção ou veto do governo.

Assembleia em Tempo Real

19/06/2019

17:10 - Karlos Cabral abre audiência que discute LDO 2020 em Rio Verde

17:00 - Escola do Legislativo ministra "Curso Qualidade no Atendimento ao Público"

16:32 - Reunião ordinária na segunda-feira, 24, irá revisar metas do Plano Estadual de Educação

16:00 - Lissauer recebe gerente do Hospital do Câncer de Barretos e diz que vai ampliar o debate sobre o assunto

15:33 - Lido em plenário, projeto da Governadoria autoriza créditos especiais à Goiás Turismo

14:05 - Governo veta projeto que altera Política Estadual de Prevenção à Violência Obstétrica em Goiás

13:20 - Projeto de Henrique Cesar propõe valorizar trabalho dos professores da rede pública do Estado

12:08 - Lucas Calil propõe a criação de estatuto de sistema cicloviário no Estado

11:25 - Encerrada audiência pública sobre a bacia do Meia Ponte

11:11 - Inhumas passa a fazer parte da região metropolitana de Goiânia

11:06 - Encerrada sessão especial que teve presença da ministra Damares Alves na Alego

11:00 - Ministra Damares lança oficialmente campanha contra suicídio e automutilação de jovens

10:52 - Cuidar do meio ambiente é uma questão coletiva, afirma deputado Lucas Calil

10:47 - Deputado Henrique Arantes critica decreto do Governador sobre bacia do Meia Ponte

10:38 - Procurador do MP agradece por honraria recebida e a parceiros de trabalho

10:29 - Secretária de Meio Ambiente defende decreto que altera licenciamento na bacia do Rio Meia Ponte, em audiência pública

10:08 - Lançada na Alego a Campanha Acolha com Carinho

10:03 - Revogação do decreto é um retrocesso, diz pesquisadora de Minas Gerais

10:01 - Jeferson Rodrigues entrega Medalha do Mérito Legislativo a homenageados

09:57 - Jeferson Rodrigues reforça discurso em defesa da família ao abrir sessão solene

09:48 - Tem início sessão especial de lançamento da Campanha de Prevenção ao Suicídio

09:46 - Vinícius Cirqueira fala da importância da discussão da Bacia do Meia Ponte

09:42 - Tem início audiência pública sobre a bacia do Meia Ponte

09:14 - Plano de desburocratização pode agilizar abertura e encerramento de empresas em Goiás

Assembleia Legislativa do Estado de Goiás - Palácio Alfredo Nasser - Alameda dos Buritis, 231.
Setor Oeste - CEP: 74115-900 - Tel: (62) 3221-3000. CNPJ: 02.474.419/0001-00.

Carregando...