Acesso à
Transparência

Resgate da memória goiana

30 de Julho de 2020 às 12:00
Crédito:
Resgate da memória goiana
Goiânia antiga
Através das redes sociais da Assembleia Legislativa, o internauta tem acesso a imagens de Goiânia, mostrando um pouco da história de 10, 20 ou 30 anos atrás. A ação busca ainda a interatividade com os seguidores.

Mostrar um pouco da história do estado de Goiás e da nossa Capital através de fotos antigas. Esse é o objetivo da seção de Publicidade, Imagem e Identidade Corporativa (SPI) da Assembleia Legislativa de Goiás, que lança postagens periódicas que trazem fotografias de cidades, monumentos, logradouros públicos e outros lugares, tiradas há 10, 20, 30 anos atrás.

Além de resgatar a memória, as postagens também propõem interatividade com os seguidores. A imagem é postada sem revelar a localidade, somente com informações sobre o lugar. A última postagem, por exemplo, trazia a seguinte indagação: “Você sabe em que cidade essa foto foi tirada?" E dá dicas: "Ela está localizada a 217 km de Goiânia, e está entre os seis municípios goianos que somam metade do PIB do estado. Hoje em dia, ela está bem diferente dessa foto, tem prédios e indústrias, e movimenta a economia goiana!” Os usuários são, então, chamados a dar um palpite sobre qual é aquele lugar. E no fim do dia, a resposta certa é revelada.

Além das opiniões sobre onde a foto foi feita, os seguidores deixam mensagens de saudosismo, nostalgia e até contam fatos que teriam acontecido naquele local. São postagens com recorde de interatividade nas redes sociais da Alego.   

As imagens são tiradas da página do Facebook “Goiânia Antiga”.

Agência Assembleia de Notícias
Compartilhar