Acesso à
Transparência

Bancadas partidárias na Casa definem, nesta semana, as lideranças que atuarão durante o biênio 2021-2023

01 de Fevereiro de 2021 às 07:00
Crédito: Ruber Couto
Bancadas partidárias na Casa definem, nesta semana,  as lideranças que atuarão durante o biênio 2021-2023
Plenário

Com a aproximação do início do segundo biênio dessa 19ª Legislatura, alguns partidos já começaram a anunciar substituição na liderança de suas respectivas bancadas na Assembleia Legislativa. A nova Mesa Diretora da Alego tomará posse neste 1º de fevereiro e comandará os trabalhos da Casa até o dia 31 de janeiro de 2023. Esse é um dos motivos que levaram a essas mudanças, já que alguns líderes atuais assumirão cargos na Mesa. 

É o caso do MDB, cuja bancada tem como líder o deputado Henrique Arantes. O partido, que tem quatro parlamentares no Parlamento goiano, será liderado por Paulo Cezar Martins. O DEM, sigla que também forma um bloco com quatro deputados, substitui Álvaro Guimarães por Chico KGL.

Mudanças também acontecerão no Pros, outro partido que possui quatro representantes na Alego. O deputado Cairo Salim passará a liderança para Wagner Neto. Por sua vez, o PT, que até então é liderado pela deputada Delegada Adriana Accorsi, agora terá como líder seu outro representante na Casa, Antônio Gomide. 

Já o Solidariedade não sofrerá mudanças e o deputado Thiago Albernaz segue como líder da bancada. O bloco conta, ainda, com os parlamentares Amilton Filho e Alysson Lima.

O Progressistas, que atualmente tem como líder o deputado Coronel Adailton, e o PSDB, liderado pelo deputado Talles Barreto, ainda definirão se haverá trocas na liderança.

No ninho tucano, Lêda Borges e Gustavo Sebba manifestaram interesse em assumir a liderança da bancada. A informação é do deputado Helio de Sousa, o qual ressalta que não tem interesse no cargo.

Helio lembra que chegou um novo parlamentar para a bancada: Francisco Oliveira. O deputado ocupa a vaga de Diego Sorgatto (eleito pelo PSDB, hoje no DEM), que tomou posse como prefeito do município de Luziânia, no dia 1º de janeiro desse ano.

De acordo com Helio de Sousa, a sigla fará uma reunião para a escolha do seu líder. “Acho que é interessante manter, talvez, o Gustavo, ou passar a liderança para a Lêda, que tem interesse. Agora temos, também, o Chiquinho Oliveira no grupo. Vamos sentar juntos e buscar o entendimento em torno dessa escolha”, frisou.

Os demais partidos que contam com mais de um deputado ainda não se manifestaram.

Nova Mesa Diretora

Os nomes eleitos para os próximos dois anos são: Lissauer Vieira (PSB), presidente; Henrique Arantes, primeiro vice-presidente, Cairo Salim, segundo vice-presidente; Major Araújo (PSL), terceiro vice-presidente; Álvaro Guimarães, primeiro secretário; Julio Pina (PRTB), segundo secretário; Tião Caroço (sem partido), terceiro secretário; e Iso Moreira (DEM), quarto secretário.

Agência Assembleia de Notícias
Compartilhar