Acesso à
Transparência

Ex-deputado estadual, Léo Mendanha morre de covid-19, em São Paulo, onde estava internado. Casa decreta luto de três dias

06 de Abril de 2021 às 22:23
Crédito: Divulgação
Ex-deputado estadual, Léo Mendanha morre de covid-19, em São Paulo, onde estava internado. Casa decreta luto de três dias
Ex-deputado Léo Mendanha

Morreu na noite desta terça-feira, 6 de abril, o ex-deputado Léo Mendanha, pai do prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha (MDB). Léo, que é mais uma vítima da covid-19, tinha 66 anos e foi hospitalizado no dia 17 de março, em Aparecida e foi transferido para São Paulo quatro dias depois, dia 21. Em razão do falecimento, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Lissauer Vieira (PSB), decretou luto oficial por três dias. 

Léo, cujo nome de batismo era Liosmar Evaristo, nasceu no dia 29 de novembro de 1954 em Inhumas. Filiado ao PMDB, disputando sua primeira eleição em 1982, como candidato a vereador em Aparecida de Goiânia, para onde havia se mudado em 1980. Só se elegeu pela primeira vez vereador em 1988. Foi vereador em Aparecida (1989-1992), secretário da Ação Urbana e Obras (1982-1988), secretário de Finanças do município (1992-1994) e deputado estadual por duas legislaturas (1995 a 1999 e 1999 a 2003). Foi candidato a deputado pela última vez, em 2006, quando foi eleito suplente com 7.889 votos.

Antes da política, foi técnico em transações imobiliárias e chegou a ser corretor de imóveis. Além do filho que é prefeito, deixou também as filhas Daniela e Thaize. O vírus atingiu toda a família de Gustavo, além do próprio prefeito. Os filhos de Gustavo (e netos de Léo) Emanuel Mendanha, de 2 anos, e Luísa Mendanha, de 8, foram diagnosticados com covid-19 na segunda quinzena de março. Em seguida, foi a primeira-dama, Mayara Mendanha. Gustavo testou positivo para o vírus no dia 24 de março e, desde o dia 1° de abril, está internado no Hospital Santa Mônica, em Aparecida. Nesta tarde, o exame de Gustavo já deu negativo para o vírus.

Agência Assembleia de Notícias
Compartilhar