Acesso à
Transparência

Talles Barreto representa a situação na instalação da 18ª Legislatura

01 de Fevereiro de 2015 às 16:30
Deputado Talles Barreto (PTB) representa a bancada de situação durante sessão solene de instalação da 18ª Legislatura. (01.02.2015).

Senhoras e senhores,

Boa tarde.

Disse certa vez o líder budista Dalai Lama:

Temos a capacidade e a responsabilidade de escolher se nossas ações seguem um caminho virtuoso ou não”.

Hoje, estamos assumindo a 18ª Legislatura em nossa Assembleia Legislativa.

É, sem dúvida, uma imensa responsabilidade.

E cabe a cada um de nós, escolher se faremos isso pelo caminho virtuoso ou não.

Somos 41 deputados e deputadas que receberam dos goianos a missão de elaborar leis, de fiscalizar o Executivo, e ajudar esse mesmo Executivo a proporcionar o melhor para os goianos. A fazer uma boa gestão. A cuidar da cidadania.

Cumprimento os novos colegas, que vêm somar ao nosso trabalho, atuais valores da política e também aos colegas reeleitos, que vão emprestar sua experiência ao fazer legislativo. Essa mescla de juventude e vivência enriquece esta Casa.

E quero reconhecer, de público, o valor dos colegas que não foram reeleitos. Eles fizeram um belo trabalho na legislatura passada.

Cumprimento o presidente Hélio de Sousa, que continuará à frente da Assembleia Legislativa de Goiás. Para o bem desta Casa, para o bem de todos os goianos.

Na 17ª Legislatura, avançamos muito nas políticas de transparência da Assembleia Legislativa. A presidência, num trabalho em total consonância com a Mesa Diretora, fez a abertura total das informações sobre as rotinas desta Casa.

No site da Assembleia, qualquer pessoa pode ter acesso a informações como proventos e cargos de servidores, um antigo anseio da sociedade goiana.

Mecanismos de controle eletrônico de frequência de servidores foram estabelecidos.

A Assembleia recentemente abriu concurso para provimento de cargos de Procurador, Analista e Assistente Legislativo. Com isso, será reduzido drasticamente o número de comissionados, um imperativo da boa governança administrativa.

A permanência do presidente Hélio de Sousa é uma garantia de que a serenidade, a temperança e a experiência continuarão sendo a norma.

É com muito orgulho que continuo fazendo parte da história do Parlamento goiano.

Quero lembrar aqui minha companheira de vida. Minha esposa, a desembargadora Iara Teixeira Rios. Meus filhos Denys, Daniel e Davi. São eles que me dão conforto e renovam meu ânimo para prosseguir nessa caminhada.

Reverencio meus pais, Adélia e Antônio Barreto, ex-presidente da Câmara de Goiânia e juiz aposentado, que me transmitiram valores de honestidade e lealdade.

Venho a esta tribuna hoje para falar em nome da bancada de sustentação do governador Marconi Perillo nesta Casa de Leis. Bancada eleita o amparo de uma plataforma de governo amplamente aprovada pelos goianos. Uma plataforma moderna, marcada pela valorização dos servidores públicos, pela eficiência da máquina administrativa e dos serviços públicos e pelo desenvolvimento econômico e humano.

O histórico quarto mandato do governador Marconi Perillo, conquistado com o apoio de quase 60% dos goianos, é resultado da aprovação de um programa de governo e de um cartel de obras e realizações que têm como marca uma visão realista do futuro.

Sob o comando de Marconi, integramos uma coalizão política e administrativa capaz de identificar as demandas da sociedade goiana. Capaz de criar as condições para que os anseios da população se transformem em benefícios para todos, em todas as áreas.

Se os goianos nos dão, pela quarta vez, a oportunidade de comandar o Estado é porque identificam neste grupo seus melhores e verdadeiros representantes.

Se a maioria dos goianos nos confere a missão de representar uma população de seis milhões e meio de habitantes é porque confia em nossa capacidade, liderados pelo governador Marconi Perillo, de continuar promovendo as transformações que mantenham Goiás na direção do desenvolvimento econômico e humano.

Essa confiança aumenta ainda mais a nossa responsabilidade neste quarto mandato, especialmente diante de um cenário econômico desfavorável para o crescimento e que exige dos Poderes Executivo e Legislativo a adoção das medidas necessárias para os ajustes que nos manterão na rota do desenvolvimento.

Com sua visão de futuro e sempre procurando se antecipar às dificuldades, o governador Marconi encaminhou no final do ano passado para esta Assembleia Legislativa uma ampla reforma da estrutura administrativa do Estado. As medidas, aprovadas em sua totalidade por esta Casa, muito são necessárias não apenas para diminuir os custos da máquina administrativa, mas para dar mais eficiência aos serviços públicos.

Tive a honra e enorme responsabilidade de relatar a matéria da reforma administrativa. Em função de sua amplitude, a reforma promovida pelo governador Marconi Perillo já é considerada a mais arrojada do Brasil.

Os jornais Folha de São Paulo e Valor Econômico, duas das publicações mais prestigiadas do Brasil, afirmaram em edições recentes que a reforma goiana coloca o Poder Executivo de Goiás na condição de mais enxuto do País.

Excelentíssimo senhor governador, nobres colegas deputados, senhoras e senhores.

Sabemos que são ainda são enormes os desafios que nos esperam nesses próximos quatro anos. O terceiro mandato do governador Marconi Perillo foi marcado por avanços expressivos em todas as áreas, mas ainda há muito a fazer em prol da educação, da saúde, da segurança, da área social e do desenvolvimento econômico.

No entanto, se chegamos até aqui é porque temos uma extensa folha de realizações nos três mandatos que nos antecederam.

Nosso Produto Interno Bruto, a soma de todas as riquezas produzidas por Goiás, saltou de R$ 17,4 bilhões em 1998 para mais de R$ 140 bilhões no ano passado.

Nesse período, foram gerados mais de 1 milhão de empregos, dos quais 250 mil apenas no último mandato.

Em três mandatos, Goiás tornou-se um imenso canteiro de obras e um celeiro de programas sociais que serviram de modelo para o País, em todas as esferas de governo.

Mais de 157 mil goianos ingressaram no ensino superior através da Bolsa Universitária, que se tornou referência para a criação do ProUni. Mais de 150 mil famílias conquistaram ou reformaram a casa própria com o Cheque Moradia.

A Renda Cidadã beneficiou aproximadamente 200 mil famílias goianas e serviu de modelo para a criação da Bolsa Família.

A Bolsa Futuro abriu caminho para que mais de 500 mil goianos fizessem cursos de qualificação profissional que garantirão empregos melhores.

Novas redes de água tratada e esgoto chegaram às casas de milhares de goianos. Entre 1999 e 2013 foram investidos mais de 3 bilhões de reais. Foram implantadas 70 Estações de Tratamento de Esgoto e outras 12 estão em construção.

Em 15 anos foram instaladas mais de 17 milhões de metros de rede de água tratada ampliando o índice de atendimento em 115%. O aumento mais expressivo foi o de 203% do índice de atendimento das redes de esgoto, com a construção de mais de 7 milhões de metros de rede.

Em março deste ano será inaugurado o Sistema Produtor Mauro Borges, que garantirá água tratada para a Grande Goiânia até 2050. O Sistema Mauro Borges é a maior obra de saneamento do País e nós nos orgulhamos da importância e da visão de futuro dessa grande obra.

Na infraestrutura, o Governo de Goiás construiu e reconstruiu 7 mil quilômetros de rodovias, reconstruiu o Autódromo Internacional de Goiânia, reformou e reequipou 1.080 escolas e está concluindo as obras do Centro de Excelência do Esporte e do Centro de Convenções de Anápolis.

Estamos falando de obras estruturantes, que preparam Goiás para o presente e para o futuro.

Na Saúde, o modelo de gestão por Organizações Sociais revolucionou o atendimento e elevou para 92% o índice médio de satisfação de pacientes, acompanhantes e profissionais. As obras do Hugo 2 e do Credeq de Aparecida de Goiânia estão na fase final e em pouco tempo essas unidades começam a receber pacientes.

Mais quatro Credeqs estão em construção e o governador já determinou a construção de mais cinco no decorrer deste mandato. Junto a essas obras estão em implantação as Redes Hugo, Credeq e dos Ambulatórios Médicos de Especialidades.

Na área da saúde do servidor, o governo Marconi Perillo tirou o Ipasgo do atoleiro e o transformou em um plano de assistência de alta qualidade, respeitado por usuários e prestadores de serviço.

Essas intervenções na saúde, as mais importantes e expressivas de nossa história, darão mais qualidade de vida para as famílias goianas.

Na Educação, os investimentos continuados na infraestrutura das escolas, na valorização dos professores e na qualidade do ensino aprendizagem nos levaram da 16ª posição para o 1º lugar no ranking do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, o Ideb. Investimentos que atestam a prioridade que o governador Marconi Perillo conferiu e continuará dando para a educação dos goianos.

Na Segurança Pública, os investimentos na modernização e na permanente atualização de nossas forças policiais, associados à aposta na inteligência e na infraestrutura prisional, estão reduzindo os índices de violência.

Em 2014, pela primeira vez em cinco anos, a taxa de homicídios ficou estável na média geral e caiu na maioria das regiões do Estado.

Esse conjunto de conquistas nos permite vislumbrar que muito mais será feito neste novo mandato iniciado hoje.

Quando assumiu o governo no dia primeiro de janeiro de 2011, o governador Marconi Perillo se deparou com imensos problemas. Nem a folha de pagamento estava em dia. Muitos duvidaram que ele conseguisse reorganizar nosso Estado em um curto espaço de tempo. Mas Marconi Perillo e sua equipe, com o apoio irrestrito da Assembleia Legislativa, deram a volta por cima.

Os servidores voltaram a receber em dia. Aliás, uma conquista que o próprio Marconi estabeleceu em seu primeiro governo. De 2011 a 2014, a autoestima do nosso povo foi reerguida.

As bases desse novo impulso já foram lançadas, com o início da implantação dos Parques Tecnológicos de Anápolis, Goiânia e Aparecida de Goiânia e do Condomínio Empresarial Tecnológico de Catalão; 120 colégios tecnológicos foram implantados e mais cinco escolas profissionalizantes estão em fase de conclusão.

O governo de Goiás criou as condições para que nossos produtores cada vez mais agreguem valor a suas matérias-primas.

Com isso, houve crescimento de 23% da safra 2013/2014, que saltou de 15 milhões para 18,7 milhões de toneladas de grãos.

As obras e programas desses dos três mandatos de Marconi mudaram a face de Goiás. Os governos de Marconi representam o início de uma nova era de desenvolvimento econômico e social. A população de Goiás renovou seu mandato porque tem a certeza de que este é o caminho a ser seguido. Um caminho sem volta. Estamos preparados para um novo salto. Goiás tem agora um projeto nacional.

No governo que se inicia, esse ritmo vai ser ainda mais intenso.

Marconi Perillo assumiu seu quarto mandato. É hoje um administrador maduro, experiente. Mais consciente de suas possibilidades como gestor.

Tal pujança permite que no curto prazo saltemos do 9º para o 8º lugar no ranking das economias entre os 27 Estados Brasileiros.

Ou seja, Goiás continuará trilhando o bom caminho.

Continuaremos a ser um Estado cujo governo busca sempre e cada vez mais a justiça social.

Onde cada vez mais seus cidadãos poderão dizer: eu tenho orgulho de ser goiano.

Nós não somos apenas deputados e deputadas. Somos também pessoas comuns com histórias distintas, com sonhos, frustrações e potencial criativo. Começamos a viver hoje mais um capítulo de nossas vidas.

Estou extremamente honrado com a delegação que recebi dos goianos para, mais uma vez, exercer o mandato de deputado estadual. A representação parlamentar é a mais bela da face dos regimes democráticos.

O Parlamento promove o equilíbrio de forças políticas e abre espaço para o amplo de debate de todos os temas que movimentam e preocupam as sociedades. É o espaço primordial da discussão daquilo que nos une e nos diferencia.

Por isso quero cumprimentar os 16 novos deputados de nossa base de sustentação e recomendar que eles vivam com intensidade o cotidiano desta Casa.

Iniciei esse discurso com uma citação de Dalai Lama sobre a responsabilidade. Encerro com outra reflexão.

O mandato que conquistamos nos enche de orgulho pessoal e nos chama para responsabilidade de assumir a construção de uma história coletiva.

A nossa responsabilidade é trabalhar em favor de quem nos confiou essa missão: o povo goiano.

Que Deus nos abençoe.

Muito Obrigado.

Compartilhar