Ir para o conteúdo principal
  • 11
  • Set.
  • 2017
  • 07:10
ALEGO

A- A+

Diego Sorgatto quer exame CPK disponível para recém-nascidos

O deputado Diego Sorgatto apresentou projeto de lei que disponibiliza na rede pública de saúde do estado de Goiás, o exame de sangue CPK aos recém-nascidos, para diagnosticar a distrofia muscular de Duchenne.

A Distrofia Muscular de Duchenne é uma doença hereditária ligada ao cromossomo X e degenerativa. Apesar de ser passada simultaneamente pelo pai e pela mãe, um a cada três casos da doença ocorrem em decorrência de uma mutação genética.

A apresentação ocorre no início da infância e as crianças afetadas podem ter atraso no desenvolvimento motor ou atraso global do desenvolvimento. As crianças com DMD geralmente nunca atingem a capacidade de correr ou saltar.

A doença progride rapidamente e a criança desenvolve uma marcha bamboleante. A subida de escadas torna-se difícil e a criança começa a cair frequentemente. A perda da capacidade da marcha autônoma ocorre entre os 6 e 13 anos de idade, sendo que, nos doentes não tratados com esteroides, a idade média é de 9 anos e meio.

“Buscando agilizar o diagnóstico desta distrofia, propomos o presente Projeto de Lei observando a competência da defesa da saúde conferida ao legislador estadual. Desta forma, pedimos e contamos com o apoio dos nobres Pares para a aprovação desta presente proposição”, explicou o deputado.

Gabinete: Diego Sorgatto

Assembleia em Tempo Real

21/11/2017

15:09 - Sessão ordinária é aberta em Plenário nesta terça-feira, 21

14:46 - Programa de assistência ao idoso e política voltada para autistas são aprovadas na CCJ

14:39 - CCJ aprova projeto que cria Colégio da Polícia Militar no município de Luziânia

14:10 - CCJ aprova veto do Governador a projeto de Helio de Sousa

14:04 - Deputado Álvaro Guimarães abre reunião da CCJ nesta terça-feira

13:51 - Projeto da Governadoria doa imóvel para reconstrução de praça em Turvânia

12:56 - Curso de Relacionamentos Interpessoais e Resolução de Conflitos tem avaliação positiva

11:52 - Encerrada audiência que debateu o feminicídio em Goiás

11:44 - Representante do Governo se compromete levar demandas ao conhecimento do governador

10:44 - Participantes opinam na audiência pública sobre “Política de Doação de Sangue Em Goiás”

10:31 - Aberto espaço para perguntas durante audiência sobre feminicídio

10:31 - Conselheira sugere criação de centro de referência para atendimento às mulheres

10:25 - “Violência contra a mulher começa com as ameaças”, destaca presidente do Conem

10:20 - Segunda Secretária do CES e Presidente da Cut discordam do Procurador do Estado

10:15 - Perita criminal destaca importância de se seguir as diretrizes nacionais sobre o feminicídio

10:03 - Procurador do Estado afirma que o Governo Estadual fiscalizará os hemocentros em Goiás

10:02 - Delegada de Aparecida de Goiânia afirma que educação é a solução para feminicídio

09:53 - Delegada incentiva que mulheres denunciem casos de violência

09:43 - Adriana Accorsi destaca a importância da mobilização contra o feminicídio

09:34 - Aberta audiência pública que trata sobre a Política de Sangue no Estado

09:23 - Tem início audiência pública sobre feminicídio em Goiás

08:44 - Francisco Jr faz visita técnica ao Centrer da Emater

08:03 - Audiência pública debate Feminicídio em Goiás nesta terça-feira

07:21 - Alego realiza hoje 7º encontro do curso de Relacionamentos Interpessoais

Assembleia Legislativa do Estado de Goiás - Palácio Alfredo Nasser - Alameda dos Buritis, 231
Setor Oeste - CEP: 74115-900 - Tel: (62) 3221-3000.

Carregando...