Ir para o conteúdo principal

A- A+

Adriana Accorsi e Major Araújo avaliam temas na área da segurança pública

Na abertura dos trabalhos legislativos no Congresso Nacional, nessa segunda-feira, 5, chamou a atenção o discurso do presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), sobre o tema da segurança pública, que, segundo ele, será prioridade dos senadores em 2018. Dois deputados estaduais goianos particularmente ligados ao tema, Delegada Adriana Accorsi (PT) e Major Araújo (PRP), respectivamente presidente e vice-presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Goiás, falaram sobre a questão em entrevista à Agência Assembleia de Notícias.

A petista faz uma análise mais partidária ao dizer que é uma defensora árdua da segurança pública para todos os brasileiros, mas que não acredita em iniciativas de políticos que dão sustentação ao Governo Temer. “Está bem claro que precisamos discutir políticas de segurança pública, sobretudo de valorização do trabalhador da área, haja vista que este Governo já conseguiu retirar a aposentadoria das mulheres policiais. Não acredito nesses políticos que estão no poder”, ressaltou.

Major Araújo também não é muito otimista e afirma que a iniciativa do presidente do Senado, Eunício Oliveira, é apenas retórica, haja vista que desde 2010 o Executivo busca um sistema unificado com a participação de todos os entes federativos para permitir a operação conjunta de todos os órgãos de segurança pública e inteligência, mas sem sucesso. “De qualquer sorte, estamos torcendo para que essa comissão extraordinária, que será criada para deliberar sobre propostas de segurança pública, realmente funcione, porque o país carece muito de segurança pública”, frisou.

Araújo diz torcer pela aprovação de proposta que obriga a instalação de bloqueadores de celulares nos presídios e construção de colônias agrícolas penais para presos de menor potencial ofensivo. "É um sonho antigo a unificação das polícias, que considero importante, haja vista que, até hoje, a Polícia Civil sonega informações sobre inquéritos que iriam contribuir muito para a Polícia Militar exercer melhor o seu trabalho de policiamento ostensivo. E a Polícia Militar sonega, às vezes, à Polícia Civil informações de seu serviço de inteligência que ajudariam no trabalho desta. A realidade é que, hoje, as duas políciais divulgam estatísticas diferentes e isso não pode continuar acontecendo.”

Em Goiás

No plano regional, os dois parlamentares discorreram também sobre a iniciativa do Governo de Goiás de convocar o ex-governador Irapuan Costa Junior para comandar a Secretaria de Segurança Pública do Estado — a posse dele está marcada para o próximo dia 15. Adriana Accorsi lembrou que Irapuan governou Goiás no período da ditatura militar, mas disse não conhecer as habilidades, do conhecimento dele sobre segurança pública. “E, para completar, ainda assume o cargo no final de Governo, por isso não dá para esperar nada dele. Agora, lamento bastante a demissão do Ricardo Balestreri, com experiência na área e um técnico extremamente capacitado”, sintetizou Adriana.

Major Araújo, por sua vez, é mais otimista e acredita que a presença de Irapuan na Segurança Pública do Estado pode, sim, promover alterações para melhor. “Já conversei com Irapuan e sinto que ele conhece da área, por isso espero que faça alguma coisa por Goiás, haja vista que são amplas as necessidades de medidas que não são feitas. Espero menos filosofia e mais ações práticas”, concluiu o parlamentar do PRP. 

Assembleia em Tempo Real

21/06/2018

21:22 - Encerramento das atividades

20:57 - Encerrada a solenidade que homenageou bombeiros civis

20:48 - Presidente do Sindicato dos Bombeiros Civis fala da importância do trabalho preventivo

20:34 - Certificados de reconhecimento são entregues a bombeiros civis

20:23 - Simeyzon diz que bombeiros civis ajudam a completar atuação de bombeiros militares

20:10 - Deputado Simeyzon abre sessão em homenagem ao bombeiro civil

19:08 - Câmara Municipal de Ceres sedia encontro de conselheiros tutelares

17:25 - 18ª Edição do Escola no Legislativo acontece na segunda-feira

16:39 - CCJ tem reunião extraordinária encerrada

16:37 - CCJ aprova algumas emendas ao projeto de lei que desmembra cartórios

16:27 - CCJ aprecia 21 projetos de lei na reunião desta tarde

16:19 - CCJ realiza sessão extraordinária

15:59 - Presidente José Vitti encerra sessão ordinária no Plenário Getulino Artiaga

15:56 - Aprovada em 1ª fase regularização de igrejas e templos em lotes públicos

15:41 - Comissões Mista e CCJ devem se reunir após sessão ordinária

15:36 - Major Araújo questiona Mesa Diretora sobre convocação extraordinária de ontem

15:30 - Talles Barreto afirma que aprovação do orçamento impositivo trará independência aos parlamentares

15:22 - Em encontro com comando da PM, Vitti discute datas de promoções

15:13 - Expediente conta com projeto de Governo para instalação de CPMG

15:12 - Deputados apresentam matérias na sessão desta tarde de quinta-feira

15:04 - Sessão ordinária é aberta no Plenário Getulino Artiaga

14:59 - Alunos do Colégio Externato São José participam de uma edição do Projeto Escola do Legislativo

14:41 - Conselheiros tutelares participam de audiência pública em Ceres

14:25 - Encerrada reunião da CCJ desta quinta-feira no Auditório Solon Amaral

Assembleia Legislativa do Estado de Goiás - Palácio Alfredo Nasser - Alameda dos Buritis, 231
Setor Oeste - CEP: 74115-900 - Tel: (62) 3221-3000.

Carregando...