Ir para o conteúdo principal

A- A+

Já somos 47 milhões com Dilma

Artigo do deputado Mauro Rubem (PT) publicado no jornal Diário da Manhã, edição de 06.10.2010.

* Mauro Rubem é deputado estadual pelo PT, presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de Goiás

O professor Marco Aurélio Garcia, coordenador do programa de governo da candidata do Partido dos Trabalhadores - PT, Dilma Rousseff, rebateu nesta semana, a manchete do dia 5 de outubro do jornal Folha de São Paulo sobre o PT retirar do programa a questão do aborto. "A manchete da Folha é mentirosa. O aborto não consta do programa do PT. Portanto, é impossível retirar uma coisa que não tem", afirmou ele.

O Serra tenta fazer do aborto uma questão central do segundo turno para desviar o foco do debate de programa de governo, que ele não tem. Aí, parte para uma guerra suja, para desqualificar a nossa candidata. E como não tem coragem para assumir a paternidade a sordidez, ele a terceiriza para os seus paus-mandados.

Saúde, educação e segurança. serão as três áreas prioritárias do futuro governo Dilma, que já as discutiu com os governadores eleitos. Serão os governadores que darão sustentação a esse programa. O Rio de Janeiro é uma prova de que isso dá certo. A parceria do governo federal com o estadual está dando bons resultados na segurança pública. Já em São Paulo, exceto alguns municípios administrados pelo PT, a exemplo de Diadema, onde a parceria com a Gestão Lula não acontece, a política de segurança pública fracassou.

Os três pontos prioritários já são compromissos do programa de Dilma. Só que agora a campanha irá explicitá-los mais. O que está em jogo são dois projetos: o da oposição, que é um projeto neoliberal. E o nosso que privilegia a melhor educação, reduziu a mortalidade infantil, tirou 30 milhões de pessoas da linha abaixo da pobreza, gerou 14 milhões de empregos com carteira assinada, entre muitas conquistas.

Vamos lembrar a eleição de 2002, o Brasil estava de mal a pior com Fernando Henrique Cardoso do PSDB na presidência. Estávamos sem crédito no mercado internacional, qualquer crise afetava nosso comércio, nossas vidas. Hoje não, somos respeitados no mundo inteiro. Todos querem negociar com o nosso País.
A sociedade não é composta por um bando de imbecis, como imagina a oposição.

Ela vai saber escolher qual projeto tem realmente mais compromisso com a vida.

Para isso, pedimos desde já aos militantes e simpatizantes do PT, PMDB, PCdo B, PSB, PDT, que nos ajudem a divulgar esses compromissos do governo e a desmascarar as mentiras do esquema Serra. Nós não queremos apenas vencer. Queremos uma grande vitória que legitime ainda mais o governo da primeira mulher presidenta do Brasil, Dilma Rousseff.

Dilma Rousseff, foi a grande vencedora do primeiro turno da eleição para presidente da República. Com ajuda dos militantes, Dilma conquistou nas urnas, no último domingo, 47.651.434 votos, o equivalente a 46,9% dos votos válidos.

Faltou muito pouco para a festa ser completa e definitiva. Mas temos certeza que vamos eleger, no próximo dia 31, é importante repetir, a primeira mulher presidenta do Brasil. É hora de manter a militância acesa. Pegue sua bandeira, seus adesivos e vá para as ruas defender a proposta do governo Lula, que mudou o país de forma profunda, retirando milhões da miséria e elevando outros tantos à classe média.

Participe das discussões nas redes socais. Defenda Dilma das mentiras com que adversários sem argumentos atacam nossa candidata. Alerte seus amigos contra as baixarias e as promessas de última hora de quem nunca defendeu o povo.

Busque informações nos sites Dilma13, ParticipaBR, Dilmanarede, Mulheres com Dilma e Galera da Dilma. E deixe conosco suas sugestões para o Brasil seguir mudando.

 


Assembleia em Tempo Real

24/04/2019

12:22 - Governo veta autógrafo que dá nova denominação a colégio de distrito de Cristalina

11:30 - Termina audiência pública que discutiu a criação da Região Metropolitana do Entorno

11:16 - Cambão aponta precariedade no transporte público do Entorno e diz apoiar criação da RME

10:51 - Lêda Borges diz que Ride não resolve os problemas do Entorno do DF

10:36 - Presidente da OAB de Luziânia defende união de esforços pela criação da Região Metropolitana do Entorno

10:19 - Prefeito de Valparaíso diz que Região Metropolitana do Entorno viabilizará investimentos

10:10 - Chico KGL propõe nova Política Tributária para Goiás

09:45 - Aberta audiência pública para discutir criação da Região Metropolitana do Entorno

09:40 - Assessores da Comissão de Finanças concluem o curso "Planejamento e Orçamento Público"

09:39 - Lêda Borges acredita que audiência pública alavancará criação da Região Metropolitana do Entorno

09:11 - Zé Carapô requer criação da Frente Parlamentar da Regularização Fundiária

08:41 - Comissão de Finanças tem na pauta hoje 60 projetos de lei

08:05 - Alego realiza logo mais, às 8h30, Palestra 2 do curso sobre Planejamento e Orçamento Público

07:27 - Comissão de Finanças faz reunião nesta 4ª-feira, 24, às 14h, no Auditório Solon Amaral

07:00 - Sessão ordinária desta tarde tem 32 projetos em pauta

06:51 - Início das atividades

23/04/2019

19:04 - Encerramento das atividades

18:45 - Projeto propõe a instalação de câmeras inteligentes no transporte público de Goiás

17:26 - Thiago Albernaz pede em requerimento a criação da Frente Parlamentar do Terceiro Setor

16:19 - Reunião da CCJ é encerrada

16:18 - Líder do Governo informa que indicações de nomes para CEE serão enviadas separadamente

16:16 - Lucas Calil afirma que ações do Governo contradizem plano apresentado na campanha

16:14 - Dr. Antônio diz que falta de alunos justifica fechamento de escolas

15:53 - CCJ discute indicação de membros do Conselho Estadual de Educação

Assembleia Legislativa do Estado de Goiás - Palácio Alfredo Nasser - Alameda dos Buritis, 231.
Setor Oeste - CEP: 74115-900 - Tel: (62) 3221-3000. CNPJ: 02.474.419/0001-00.

Carregando...