Ir para o conteúdo principal

A- A+

Já somos 47 milhões com Dilma

Artigo do deputado Mauro Rubem (PT) publicado no jornal Diário da Manhã, edição de 06.10.2010.

* Mauro Rubem é deputado estadual pelo PT, presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de Goiás

O professor Marco Aurélio Garcia, coordenador do programa de governo da candidata do Partido dos Trabalhadores - PT, Dilma Rousseff, rebateu nesta semana, a manchete do dia 5 de outubro do jornal Folha de São Paulo sobre o PT retirar do programa a questão do aborto. "A manchete da Folha é mentirosa. O aborto não consta do programa do PT. Portanto, é impossível retirar uma coisa que não tem", afirmou ele.

O Serra tenta fazer do aborto uma questão central do segundo turno para desviar o foco do debate de programa de governo, que ele não tem. Aí, parte para uma guerra suja, para desqualificar a nossa candidata. E como não tem coragem para assumir a paternidade a sordidez, ele a terceiriza para os seus paus-mandados.

Saúde, educação e segurança. serão as três áreas prioritárias do futuro governo Dilma, que já as discutiu com os governadores eleitos. Serão os governadores que darão sustentação a esse programa. O Rio de Janeiro é uma prova de que isso dá certo. A parceria do governo federal com o estadual está dando bons resultados na segurança pública. Já em São Paulo, exceto alguns municípios administrados pelo PT, a exemplo de Diadema, onde a parceria com a Gestão Lula não acontece, a política de segurança pública fracassou.

Os três pontos prioritários já são compromissos do programa de Dilma. Só que agora a campanha irá explicitá-los mais. O que está em jogo são dois projetos: o da oposição, que é um projeto neoliberal. E o nosso que privilegia a melhor educação, reduziu a mortalidade infantil, tirou 30 milhões de pessoas da linha abaixo da pobreza, gerou 14 milhões de empregos com carteira assinada, entre muitas conquistas.

Vamos lembrar a eleição de 2002, o Brasil estava de mal a pior com Fernando Henrique Cardoso do PSDB na presidência. Estávamos sem crédito no mercado internacional, qualquer crise afetava nosso comércio, nossas vidas. Hoje não, somos respeitados no mundo inteiro. Todos querem negociar com o nosso País.
A sociedade não é composta por um bando de imbecis, como imagina a oposição.

Ela vai saber escolher qual projeto tem realmente mais compromisso com a vida.

Para isso, pedimos desde já aos militantes e simpatizantes do PT, PMDB, PCdo B, PSB, PDT, que nos ajudem a divulgar esses compromissos do governo e a desmascarar as mentiras do esquema Serra. Nós não queremos apenas vencer. Queremos uma grande vitória que legitime ainda mais o governo da primeira mulher presidenta do Brasil, Dilma Rousseff.

Dilma Rousseff, foi a grande vencedora do primeiro turno da eleição para presidente da República. Com ajuda dos militantes, Dilma conquistou nas urnas, no último domingo, 47.651.434 votos, o equivalente a 46,9% dos votos válidos.

Faltou muito pouco para a festa ser completa e definitiva. Mas temos certeza que vamos eleger, no próximo dia 31, é importante repetir, a primeira mulher presidenta do Brasil. É hora de manter a militância acesa. Pegue sua bandeira, seus adesivos e vá para as ruas defender a proposta do governo Lula, que mudou o país de forma profunda, retirando milhões da miséria e elevando outros tantos à classe média.

Participe das discussões nas redes socais. Defenda Dilma das mentiras com que adversários sem argumentos atacam nossa candidata. Alerte seus amigos contra as baixarias e as promessas de última hora de quem nunca defendeu o povo.

Busque informações nos sites Dilma13, ParticipaBR, Dilmanarede, Mulheres com Dilma e Galera da Dilma. E deixe conosco suas sugestões para o Brasil seguir mudando.

 


Assembleia em Tempo Real

19/06/2019

19:02 - Encerramento das atividades

19:00 - Mineiros e Quirinópolis recebem Comissão de Finanças nesta 2ªfeira para debate sobre LDO

19:00 - Encerrada audiência em Rio Verde que debateu a LDO 2020

18:26 - Deputado Vinícius Cirqueira realiza debate sobre instalação de novos empreendimentos na bacia do Rio Meia Ponte

18:00 - CPI da Enel encerra trabalhos do semestre com audiência em Caldas Novas, no dia 24

17:10 - Karlos Cabral abre audiência que discute LDO 2020 em Rio Verde

17:00 - Escola do Legislativo ministra "Curso Qualidade no Atendimento ao Público"

16:32 - Reunião ordinária na segunda-feira, 24, irá revisar metas do Plano Estadual de Educação

15:33 - Lido em plenário, projeto da Governadoria autoriza créditos especiais à Goiás Turismo

14:05 - Governo veta projeto que altera Política Estadual de Prevenção à Violência Obstétrica em Goiás

13:20 - Projeto de Henrique Cesar propõe valorizar trabalho dos professores da rede pública do Estado

12:08 - Lucas Calil propõe a criação de estatuto de sistema cicloviário no Estado

11:25 - Encerrada audiência pública sobre a bacia do Meia Ponte

11:11 - Inhumas passa a fazer parte da região metropolitana de Goiânia

11:06 - Encerrada sessão especial que teve presença da ministra Damares Alves na Alego

11:00 - Ministra Damares lança oficialmente campanha contra suicídio e automutilação de jovens

10:52 - Cuidar do meio ambiente é uma questão coletiva, afirma deputado Lucas Calil

10:47 - Deputado Henrique Arantes critica decreto do Governador sobre bacia do Meia Ponte

10:38 - Procurador do MP agradece por honraria recebida e a parceiros de trabalho

10:29 - Secretária de Meio Ambiente defende decreto que altera licenciamento na bacia do Rio Meia Ponte, em audiência pública

10:08 - Lançada na Alego a Campanha Acolha com Carinho

10:03 - Revogação do decreto é um retrocesso, diz pesquisadora de Minas Gerais

10:01 - Jeferson Rodrigues entrega Medalha do Mérito Legislativo a homenageados

09:57 - Jeferson Rodrigues reforça discurso em defesa da família ao abrir sessão solene

Assembleia Legislativa do Estado de Goiás - Palácio Alfredo Nasser - Alameda dos Buritis, 231.
Setor Oeste - CEP: 74115-900 - Tel: (62) 3221-3000. CNPJ: 02.474.419/0001-00.

Carregando...