Acesso à
Transparência

Nesta terça-feira, quase 50 pessoas fizeram doação de sangue em unidade móvel do Hemocentro instalada na Alego

11 de Maio de 2021 às 16:11
Crédito: Sérgio Rocha
Nesta terça-feira, quase 50 pessoas fizeram doação de sangue em unidade móvel do Hemocentro instalada na Alego
Campanha de doação e sangue e vacinação H1N1

A 19ª edição da campanha de doação de sangue, parceria da Assembleia Legislativa (Alego) e Hemocentro, mobiliza diretores e servidores da Casa de Leis nesta terça-feira, 11, entre 8 e 16 horas. Com agendamento de horário, a coleta do material é feita na unidade móvel do banco de sangue. A ação é um reforço para manutenção dos estoques, principalmente em tempos de pandemia provocada pela covid-19, em que o déficit chegou a ser de 49%, e hoje, graças às ações dos parceiros, recua para 20%.

Ao final do dia, o coordenador da equipe do Hemocentro que realizou a campanha na Alego, enfermeiro Erico Antônio, informa que foram coletadas 37 bolsas de sangue, resultado de doações realizadas por 46 pessoas. Segundo ele, foram realizados também seis cadastros de doadores de medula óssea. Todos os doadores são servidores da Alego.

Também foi realizada, no saguão de entrada da Alego, a vacinação contra quatro tipos de gripe: influenza A e B, H1N1 e H3N2. A equipe, vinda de Itaberaí, imunizou 55 pessoas das 8h30 até às 14 horas. De acordo com a coordenadora do grupo, a enfermeira Adriana Corrêa, os imunizantes são do tipo tetravalente e foram fornecidos pelos  laboratórios Abbot e GSK, ao preço de R$ 80,00 cada dose. O presidente da Casa, Lissauer Vieira (PSB), além de outros deputados estão entre as pessoas que tomaram a vacina.

Ao abrir a campanha, nesta manhã, o diretor administrativo do Parlamento, Marco Antônio Ferreira, foi um dos primeiros a se voluntariar para a doação. Ele falou sobre a importância do gesto, aparentemente simples, de doar sangue, que qualquer pessoa, ou quase todas as pessoas, poderiam fazer para colaborar com a saúde da comunidade, principalmente nessa época de pandemia, onde se constata que há uma escassez muito grande de voluntários. “Nesse momento, em que as pessoas também estão com maior sensibilidade, no sentido de solidariedade, é um gesto gratificante tanto para quem doa e quanto para quem recebe.”

Chefe da seção de Serviços Médicos da Alego, Luciene Teixeira, explica como é o desafio de conduzir uma ação como essa, em um período de pandemia, em que o limite do nível das bolsas dos estoques dos bancos de sangue estão baixos. “Não é fácil para a gente, da área de saúde, buscar doadores de sangue, porque na verdade, como não pode ter aglomeração, temos que marcar agendamentos antecipados para realizar as coletas. Vamos em busca do doador, ligamos, porque se não fizermos isso, não teremos doadores suficientes para nos ajudar nesse período difícil.” 

Por sua vez, o diretor de Saúde e Meio Ambiente do Trabalho da Assembleia Legislativa de Goiás, Marcos Antônio Nogueira, ressalta a importância da parceria para contribuir com os estoques de sangue do Hemocentro. “É uma ação antiga, que realizamos de duas a três vezes ao ano. O Banco de Sangue, por causa da pandemia, está com estoques baixos, porque há menos doadores. Estamos aqui para contribuir com a doação de sangue”, afirma. 

Sem aglomeração

O diretor também explica que a campanha foi programada por agendamento para não haver aglomeração, e assim, reduzir qualquer risco de contágio daqueles que vão doar sangue, em relação à covid-19. 

“Nesse tempo de pandemia, a gente vem reforçando os grandes parceiros que o Hemocentro tem para o atendimento ao público e a Alego é uma das grandes parcerias com que a unidade sempre pode contar”, frisa a gerente do Ciclo do Doador da unidade, Layane Marques. 

A profissional ressalta, ainda, as medidas tomadas para garantir a segurança das pessoas que queiram contribuir com a doação, ao oferecer opções de agendamento de horário, que pode ser feito via telefone, no número 08006420457; e pelo site, no endereço agenda.hemocentro.org.br

“Além disso, mantemos o distanciamento entre as cadeiras, a equipe de profissionais usa equipamentos de proteção individual (EPIs) e álcool em gel em todos os setores”, explica. 

Vacinação contra H1N1

A fim de facilitar a vacinação contra H1N1, a presidência da Alego promove hoje e amanhã, no saguão do Palácio Alfredo Nasser, a oportunidade de imunização. Pelo valor de R$ 80,00, por dose do medicamento, funcionários, familiares e outras pessoas podem se beneficiar. 

Celismar Borges Ferreira, servidor da Alego, diz que o fato de ter trazido a campanha de vacinação para a Assembleia facilita muito a vida de quem, muitas vezes, não têm tempo para sair em busca da vacina em outras unidades de saúde. “Isso é muito bom para nós”, explica. 

O diretor Marcos Antônio Nogueira explica que a vacinação contra a gripe oferece duplo benefício: primeiro pela imunização contra a própria H1N1, e também por contribuir na prevenção contra o novo coronavírus. “É muito importante por dar ao organismo um reforço para evitar o contágio pela covid-19”, ressalta. Nesse caso, no entanto, é importante lembrar que, contra a covid, a pessoa tem de tomar a vacina específica. 

Agência Assembleia de Notícias
Compartilhar